momento de viagem

sensações, emoções e imagens por aí!

Les aventures de Tintin! – Hergé, Belgique

Deixe um comentário

IMG_8129 IMG_8125 IMG_8124 IMG_8121  IMG_8098 IMG_8097

IMG_8105 IMG_8122

 

Enquanto sigo o mapa até à estação de Bruxelles Nord apercebo-me mais uma vez nesta cidade que há muitos emigrantes por cá e alguma sujidade nas ruas e passeios. A própria estação não é nada bonita. Saiamos de Bruxelas rumo ao Tintin!
O comboio demorou 1 hora a chegar a Louvain-la-Neuve, no entanto são apenas uns 38km, segundo o google maps.
Chegando ao destino (estação terminal desta linha) é facílimo encontrar o Museu Hergé, já que a zona é de construção recente e há indicações nas paredes dos prédios universitários. Aqui respira-se mais oxigénio do que em Bruxelas, como seria de esperar. Atravessa-se um parque para entrar no museu e pronto, as aventuras de Tintin estão prestes a começar! O bilhete normal é de 9.50€, ou de 7€ para estudantes, e inclui auscultadores com um aparelhozinho muito parecido ao iphone.
O edifício é contemporâneo, foi desenhado pelo arquitecto Christian de Portzamparc. Não se podia fotografar dentro das salas, tentei resistir…
Revivi tantos momentos da minha infância durante a visita, de quando eu adorava ler e ver aqueles desenhos tão cómicos e expressivos de Hergé. Descobri que o seu nome original era Georges Rémi, que tentou ser pintor, mas o desenho o apaixonou e, não concordava que a sua arte fosse chamada de arte menor. Antes do sucesso com o Tintin fez design gráfico: logotipos, cartazes publicitários, criou tipos de letra… Todas as suas personagens estão ligadas a pessoas reais da sua vida, no entanto nenhuma é real e, diz ele, o Tintin pode muito bem ser ele, no final de tudo!
Sonhou com o espaço e extraterrestres e tornou alguns desses elementos reais na sua banda desenhada.
Para quem não conhece o Tintin, é o personagem principal da banda desenhada de Hergé, um senhor que nasceu a 22 de Maio de 1907 e morreu a 3 de Março de 1983. Criou imensas histórias em banda desenhada, transformadas em livros mágicos…
Não posso deixar de terminar o meu pequenino texto referindo que este senhor arranjou forma de continuar a brincar depois de ser adulto. Aposto que se ria imensas vezes ao longo destas escritas e desenhos, e os seus colaboradores também. Ia buscar inspiração às suas viagens, mas também à sua mente, à parte feliz da sua mente. E isso é lindo de constatar, dá-nos força para renovar a nossa felicidade no trabalho e em tudo o que se passa na nossa vida. Há que rir, há que gozar, há que cantar e gritar! Viva o Tintin e o seu herói Milu!!

Anúncios

Autor: marimaricleta

A Marimaricleta vive entre o céu e a terra. Faz e desfaz malas quase todos os dias. Um dia decidiu escrever umas dicas para viver momentos fora de casa. Geralmente falamos de coisas óbvias e acessíveis a todos, quando viajamos. Lemos guias turísticos, vemos mapas, queremos ir onde todos falam que foram. O segredo das viagens são os momentos, as sensações, o que fica dentro de nós quando voltamos a casa. E são alguns desses momentos que descrevo aqui, para vos incentivar a viver os momentos, a enriquecer a alma, para além do olhar! deniselaranja@gmail.com

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s