momento de viagem

sensações, emoções e imagens por aí!

Os budas

Deixe um comentário

IMG_7371 IMG_7378  IMG_7384 IMG_7390 IMG_7393

IMG_7392IMG_7401 IMG_7402

IMG_7380IMG_7412

IMG_7418 IMG_7419

Confesso que desta vez não fiz muita pesquisa antecipadamente e não sabia ao certo o nome das coisas que ia ver em Bangkok. Sabia que ia ver templos e budas. Sabia que ia ver coisas douradas e sentadas de pernas cruzadas, brilho nas paredes, muitos relevos coloridos, …
O que vou aqui descrever é baseado apenas nas minhas sensações, olhos e dois míseros folhetos apanhados na entrada de cada um dos templos visitados, lidos na diagonal. Senso comum, portanto!
Decidimos então experimentar o tuk tuk como primeiro transporte até ao centro de Bangkok. Mas não nos ficámos por aqui: andámos num barco só nosso pelo rio Chao Phraya. Parámos precisamente em frente ao Grande Palácio. Há dois pormenores importantes a reter aqui: o homem do tuk tuk tentou sempre vender mais umas coisas enquanto conduzia e bebia o seu suminho, tais como passeios noutras cidades ou sugerir ir a uma boutique comprar roupas e coisas caras (disse que recebia um voucher para pôr gasolina se nós comprássemos algo). Depois, a cena do barco… Fomos roubadas claro, mas toda aquela situação entre regatear, estar no fundo de uma estrada sem saída, sermos meninas e turistas no meio da selva tailandesa, fez com que aceitássemos os 1200 baths para sairmos dali o mais rápido possível. Ao menos o senhor do barco era bem querido, comunicávamos com sons e gestos, foi construtivo e divertido.
Chegando a terra encontrámos um mercado… Muitos cheiros, muitas comidas diferentes, pessoas a cozinhar ali no meio do mercado, frutas imensas incluindo as bananas que me souberam pela vida, enfim.
Quando chegámos à entrada do Palácio fomos direccionadas para uma porta ali ao lado. Era preciso alugarmos umas peças de roupa, pois a pouca vergonha não é aceite, nem que sejamos turistas! Saia comprida e camisa formal, aí está o modelito da última estação! A parte do Templo do Buda Esmeralda é para ser visitada sem calçado, se faz favor. É colocar os sapatinhos à entrada, o que não deixa de ser confortável perante tanto calor e humidade. E parece realmente que nos sentimos mais simples, mais humildes perante Deus. Se quiséssemos podíamos sentar-nos no chão em frente ao buda, supostamente para rezar. Eu sentei-me para observar e descansar um pouco as pernas! É engraçada a forma como rezam, pois após estarem sentados no chão uns minutos, fazem um gesto de como se fossem beijar o chão e só depois se vão. Talvez até seja mesmo esse o propósito, o de beijar o chão…

Tudo ali à volta é muito bem decorado e enchido de pormenores: relevos e pinturas à mão. Eles são pacientes! Eu também, mas aquele calor era um pouco cansativo para quem não está habituado…

Depois do Grande Palácio apanhámos outro tuk tuk para ir ver o Buda Dourado. Mais um aluguer de roupa, mais um momento de silêncio em frente ao Buda Dourado (de ouro), mais um tuk tuk para regressar ao nosso adorado metro “skyline”.

No fim concluímos que os budas crescem por ali, sentam-se e meditam. Nós tantamos fazer o mesmo, com muita roupa vestida, descalços, de joelhos ou pernas cruzadas, e em silêncio. Os lugares religosos de Bangkok são os mais limpos de toda a cidade, e, há que confessar, são também lindos e cheios de pormenores coloridos e dourados!

Anúncios

Autor: marimaricleta

A Marimaricleta vive entre o céu e a terra. Faz e desfaz malas quase todos os dias. Um dia decidiu escrever umas dicas para viver momentos fora de casa. Geralmente falamos de coisas óbvias e acessíveis a todos, quando viajamos. Lemos guias turísticos, vemos mapas, queremos ir onde todos falam que foram. O segredo das viagens são os momentos, as sensações, o que fica dentro de nós quando voltamos a casa. E são alguns desses momentos que descrevo aqui, para vos incentivar a viver os momentos, a enriquecer a alma, para além do olhar! deniselaranja@gmail.com

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s